AMS Kepler participará, pelo terceiro ano consecutivo, do maior fórum sobre tecnologias geoespaciais

A AMS Kepler participará como co-patrocinadora, bag sponsor e expositora do Latin America Geospatial Forum 2013 - 3ª Conferência e Exposição Internacional sobre Tecnologias Geoespaciais e Aplicações que será realizado entre os dias 11 e 13 de setembro, no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro.

ScreenShot255

Em sua terceira edição, o fórum se constituirá em uma plataforma de convergência entre os principais integrantes do governo, setor industrial e academia, oferecendo uma excelente oportunidade para ampliar a rede de contatos e conhecer as mais modernas soluções tecnológicas do mercado.

O tema em 2013 será a ‘Sustentabilidade para Resiliência: Caminho Geoespacial’. Com a crise de crédito que afeta os mercados em todo o mundo, os orçamentos para programas e projetos estão sob vigilância.  

Para alcançar um crescimento econômico rápido no quadro das necessidades da nova economia, é necessário incentivar uma nova dimensão de resiliência na abordagem de todo o governo; desenvolver métricas harmonizadas para o sucesso, a fim de melhor atingir metas e resultados. É preciso integrar a tecnologia geoespacial e de infraestrutura no planejamento e decisões orçamentárias e encontrar formas de maximizar o valor que oferecemos com relevantes e sensíveis soluções baseadas em tecnologia para os problemas.  

Com este tema, o fórum irá destacar o papel da tecnologia geoespacial para a tomada de decisão informada e inteligente na direção de rentabilidade e crescimento, apesar da tempestade econômica. 

amsk-convite-lagf2013d

Diferente das outras duas edições, o LAGF deste ano reuniu o GeoIntelligence Latin America e o 4º Congresso Brasileiro de Geoprocessamento, em um mesmo local. Serão 3 eventos acontecendo simultaneamente com Sessões Plenárias, Temáticas e Tecnológicas, além de uma exposição com as últimas novidades da indústria geoespacial. 

A programação deste ano será enriquecida pelas apresentações de nossa equipe.  Antonio Machado e Silva, Diretor da AMS Kepler, participará, na abertura, da Plenária, juntamente com personalidades representativas do setor.  No dia 12, apresentará no LAGF, na sessão Construção e Infraestrutura, o tema Geotecnologias Aplicadas à Gestão de Projetos de Infraestrutura. ”Irei abordar o modo como as geotecnologias têm influenciado consideravelmente o setor de infraestrutura na medida em que subsidiam as etapas de estudos de impactos ambientais, planejamento, execução, e monitoramento das obras. Os avanços tecnológicos permitem que elas sejam importantes fatores para o cumprimento de prazos e de qualidade dos empreendimentos, e de redução de custos com a realização de sucessivos trabalhos de campo. Os novos sensores remotos exemplificam estes avanços, proporcionado informações cada vez mais ricas e precisas devido às altas resoluções espacial, espectral, radiométrica e temporal. As aplicações das Geotecnologias no setor de infraestrutura são as mais diversas. Tem-se como exemplo: monitoramento de barragens e estradas, planejamento de vias de acesso, linhas de transmissão, estudos de impactos ambientais, planejamento socioambiental para novos empreendimentos, entre outros.”, adianta o diretor da AMS Kepler.

Ainda no dia 12 de setembro, teremos a participação do Marcus Vinícius Alves de Carvalho, Analista de Geoprocessamento da AMS Kepler, que foi convidado para integrar a mesa redonda sobre Processamento Digital de Imagens, no 4º Congresso Brasileiro de Geoprocessamento. ”Abordarei a classificação digital de imagens através da Análise Baseada em Objetos (Object-Based Image Analysis) e Mineração de Dados (Data Mining), tema da minha dissertação de mestrado no INPE”, conta Marcus Vinícius.

Frederico Liporace, Diretor de Desenvolvimento de Software, participará no dia 13 de setembro da sessão Image Interpretation, no Geointelligence, e abordará o tema IMINT: o uso de imagens de satélite para suporte a operações de inteligência onde abordará a importância das imagens de satélites de sensoriamento remoto para sistemas de inteligência e defesa. ”Tais sistemas devem ter uma componente espacial (geo-intelligence) e as imagens são elementos desta componente. Em função de suas características, elas podem ser usadas desde a detecção de um objeto até a descrição detalhada do mesmo. Podem ser usadas tanto para monitorar um fenômeno, como para observá-lo. São úteis também para discriminar alvos. Entretanto, elas apresentam limitações, como em aplicações de tempo real. É recomendável ter como suporte um portfólio de diferentes sensores, entre ativos e passivos, com diferentes resoluções espacial, espectral e temporal. As imagens de satélite oferecem uma contribuição importante em missões de reconhecimento e em centros de comando e controle, para oferecer mais subsídios em tomadas de decisão.”, explica Frederico Liporace.

Além das apresentações, a AMS Kepler contará ainda com a participação mais que especial do Daniel do Mate e será, pela primeira vez, patrocinadora oferecendo mochilas aos congressistas. “A cada evento procuramos surpreender e desenvolver uma nova ação, sempre de acordo com o público alvo esperado e ao tema abordado. Este ano traremos um pouco da cidade do Rio de Janeiro para este evento internacional, oferecendo mate geladinho com limão e biscoito globo, e, como Bag Sponsor, garantiremos que todos levem para casa uma mochila linda (que é a nossa cara!) como recordação. Manteremos a nossa tradição de oferecer também entretenimento por meio de jogos interativos nas nossas telas touch, sorteio de livros, distribuição de brindes e fotografias personalizadas na nossa cabine de fotos.”, revela Monica Coscarella, Gerente de Marketing.

Evento: Latin America Geospatial Forum

Data: 11 a 13 de Setembro de 2013
 
Local: Centro de Convenções SulAmérica 
Av. Paulo de Frontin, 1
Cidade Nova | Rio de Janeiro | RJ 
(21) 3293-6700
 

Comments

Post a comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Email Us

Your message was successfully sent. Thank You!