Rio +20: Fundo Vale

Hoje, 16 de junho, o dia foi movimentado. Inicialmente participei do seminário “Economia verde como indutor de conservação na Amazônia brasileira”, promovido pelo Fundo Vale para o Desenvolvimento Sustentável no Rio Centro.

A surpresa é que não havia paranoia relativa à segurança. Uma situação normal, bastante aceitável.

O evento em si foi bastante interessante, e o Fundo Vale é hoje um importante instrumento para o apoio ao desenvolvimento sustentável na Amazônia.

Em seguida, retornei ao Parque dos Atletas para visitá-lo melhor. O pavilhão do Estado do Rio é muito interessante, tanto na sua concepção quanto no conteúdo. Vale uma visita. Construído com madeiras de caixotes, o visual do pavilhão se destaca dentro do parque.

A Eletrobras oferece um momento de relaxamento, com um filme 5D muito interessante sobre Furnas. É o túnel sensorial de Furnas, que agrada a pessoas de todas as idades.

Para quem almoça no parque, recomendo fortemente as Baianas do Rio de Janeiro. Uma delícia. O pudim de tapioca é simplesmente imperdível.

Por fim, visitei o HSBC Arena. Só recomendo para quem esteja a par da programação e esteja interessado em alguma palestra. Não é lugar para ir como curioso.

O transporte entre o HSBC Arena, Riocentro e Parque dos Atletas funciona perfeitamente bem.

Ontem esqueci de comentar que o Cacique Raoni criticou também a construção de hidrelétricas na Amazônia. Aliás, esse tema é bastante sensível e controverso.

Amanhã, sem compromisso agendado, deverei visitar a Cúpula dos Povos, no Aterro do Flamengo.

Comments

Post a comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Email Us

Your message was successfully sent. Thank You!